Como tirar cisco do olho

A presença de um cisco no olho é uma situação relativamente comum que pode ser facilmente resolvida com uma lavagem ocular adequada. Porém, em alguns casos não é possível remover o corpo estranho, podendo ocorrer coceira no olho, fazendo com que a pessoa coce o olho continuamente, aumentando o risco de arranhar a córnea e causar visão embaçada, aumento da sensibilidade à luz e lacrimejamento intenso.

No caso do cisco no olho produzir sintomas intensos como dor, vermelhidão ou lacrimejamento excessivo, por exemplo, deve-se procurar o oftalmologista ou o pronto-socorro para evitar complicações.

Além disso, para evitar o cisco no olho é recomendado o uso de óculos de proteção ou óculos em ambientes com muita corrente de ar ou contaminação ambiental, além de aplicação de colírio para lubrificar os olhos, conforme indicado pelo oftalmologista, para evitar arranhões por ressecamento.

Como tirar cisco do olho

A melhor forma para tirar o cisco do olho consiste em seguir o passo-a-passo:

  1. Lavar as mãos com água e sabão;
  2. Ficar em frente ao espelho e tentar identificar a presença do cisco;
  3. Piscar o olho afetado várias vezes, para tentar tirar o cisco naturalmente;
  4. Aplicar soro fisiológico no olho para fazer uma lavagem.

Um pequeno cisco nos olhos pode causar muito incômodo, porque existem muitas terminações nervosas no olho e, por isso, um pequeno cisco pode parecer um grande corpo estranho dentro do globo ocular.

Depois de tirar o cisco, deve-se evitar tocar nos olhos com as mãos e as pessoas que usam lentes de contacto devem suspender a sua utilização até que o olho melhore ou até se sentirem confortáveis. Veja como preparar um remédio caseiro para aliviar a irritação ocular

E se não conseguir tirar o cisco?

No caso de não se conseguir tirar o cisco após a lavagem do olho com soro fisiológico, é importante não forçar a abertura das pálpebras ou tentar tirar o cisco com pinça, palito ou os próprios dedos, além de evitar coçar o olho.

Neste caso, deve-se deve-se ir imediatamente ao médico, para a evitar lesões mais graves que possam prejudicar a saúde e a função dos olhos.

E se a sensação de cisco no olho persistir?

Algumas vezes, depois de lavar o olho, a sensação de incômodo pode persistir, mesmo depois de eliminar o cisco. Isto acontece porque o cisco pode ter causado irritação na córnea na tentativa de o eliminar. Para diminuir o desconforto, a pessoa deve manter o olho fechado por algum tempo, evitando a exposição direta à luz, o que pode ajudar a acalmar a irritação.

No entanto, esta sensação pode-se dever ao fato de o cisco ainda não ter sido eliminado e nestes casos, o ideal é pedir ajuda de alguém ou mesmo ir ao oftalmologista, que irá remover o cisco e também pode receitar remédios para aliviar a dor, a irritação e/ou a inflamação.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • ASEPEYO. Guías de autocuidados Recomendaciones del enfermero/a y procedimiento terapéutico. Disponível em: <https://salud.asepeyo.es/wp-content/uploads/2015/12/guia-33-cuerpo-extrano-corneal.pdf>. Acesso em 10 Nov 2021
  • UNIVERSIDAD INDUSTRIAL DE SANTANDER. PROTOCOLO PARA LAVADO, IRRIGACIÓN Y EXTRACCIÓN DE CUERPO EXTRAÑO EN OJOS. 2008. Disponível em: <https://www.uis.edu.co/intranet/calidad/documentos/bienestar_estudiantil/protocolos/TBE.05.pdf>. Acesso em 10 Nov 2021
  • COLLADO, Giannina. CUERPO EXTRAÑO EN EL OJO . Revista Médica Sinergia. 1. 10; 12-18, 2016
Mais sobre este assunto: