Pitaya: 8 incríveis benefícios e como comer

Tatiana Zanin
Revisão clínica: Tatiana Zanin
Nutricionista
Dezembro 2021

A pitaya é uma fruta que, em conjunto com uma alimentação saudável, favorece a perda de peso, além de possuir outros benefícios que estão relacionados com o seu alto poder antioxidante, já que é rica em polifenois, vitaminas e minerais, que são importantes para proteger o organismo.

Existem 3 variações de cor da fruta, a pitaya vermelha, que tem cor rosa-roxa por dentro e por fora; a pitaya amarela, que possui casca amarela e é banca por dentro; e a pitaya branca, que tem a casca rosa e é branca por dentro. Essa fruta tem sabor suave e doce, sendo agradável para qualquer paladar.

A pitaya é fruto é um tipo de cacto da família Cactaceae, do gênero Hylocereus, sendo uma fruta muito presente na América Central, América do Sul, Israel, Tailândia, Vietnam e Malásia.

A pitaya tem um sabor leve e, devido aos seus componentes, pode ter diversos benefícios para a saúde, sendo os principais:

1. Favorece a perda de peso

Devido à baixa quantidade de calorias e pouca quantidade de carboidrato, a pitaya, em conjunto com uma alimentação saudável, é capaz de ajudar a emagrecer. Além disso, é rica em fibras que ajudam a aumentar a sensação de saciedade, diminuindo o volume de comida consumida nas refeições e, consequentemente, ajuda a emagrecer.

A pitaya também possui um componente chamado betacianina, que, de acordo com alguns estudos, poderia ajudar a diminuir o peso, melhorar o perfil lipídico, diminuir a resistência à insulina e o fígado gordo.

Possui também uma sustância chamada tiramina, que ativa o hormônio glucagon, estimulando o próprio corpo a utilizar as reservas de açúcar e gordura para que seja gerada energia.

2. Protege as células do corpo

A pitaya é uma fruta rica em polifenois, flavonoides, betacianinas e vitamina C, que atuam como anti-inflamatórios e antioxidantes, evitando o dano causado pelos radicais livres às células e, por sua vez, o desenvolvimento de doenças crônicas, como o câncer, diabetes e artrite reumatoide, por favor.

Além disso, é capaz de prevenir o envelhecimento precoce, já que possui vitamina C, além de também favorecer a formação do colágeno no organismo, um componente importante para manter a firmeza e a elasticidade da pele.

3. Fortalece os ossos

A pitaya é uma fruta que fornece cálcio, magnésio e fósforo para o organismo, que são minerais importantes para o fortalecimento dos ossos e dentes, sendo uma excelente opção para as pessoas que possuem osteoporose e osteopenia, além de também ser interessante para crianças para favorecer o seu crescimento e desenvolvimento.

4. Melhora a digestão

Estudos recentes sugerem que a pitaya atua como prebiótico, o que significa que as fibras que essa fruta possui não são digeridas no intestino, mas sim fermentadas, o que aumenta a quantidade e a atividade das bactérias boas que fazem parte da microbiota intestinal, ao mesmo tempo que regula o crescimento de bactérias que causam danos.

Esses prebióticos favorecem os movimentos intestinais e aumentam a produção fecal, evitando a prisão de ventre e melhorando a digestão de forma geral. Além disso, também ajuda a prevenir o câncer de cólon, reforçar o sistema imunológico, reduzir o risco de síndrome metabólica e de doenças neurodegenerativas.

5. Regula os níveis de açúcar no sangue

A pitaya, principalmente a vermelha, possui propriedades capazes de diminuir a resistência à insulina. Isso porque é rica em fibras e antioxidantes, como a betacianina, que atuam regulando os níveis de açúcar no sangue e melhorando condições como a pré-diabetes e prevenindo o desenvolvimento da diabetes.

Uma vez que ajuda e regular o açúcar no sangue, é importante evitar o consumo dessa fruta em conjunto com a medicação para diabetes, pois pode causar hipoglicemia.

6. Ajuda a diminuir o colesterol

O consumo de pitaya em conjunto com uma dieta saudável poderia ajudar a reduzir os níveis de colesterol e prevenir o surgimento de doenças cardiovasculares. Isso acontece devido à sua quantidade de fibras, que evitam a absorção de colesterol no intestino delgado.

Além disso, possui antioxidantes e saponinas, que são compostos orgânicos que favorecem a excreção de colesterol nas fezes.

7. Fortalece o sistema imune

Como é rica em antioxidantes e vitamina C, o consumo da pitaya poderia ajudar a fortalecer o sistema imune, pois é capaz de aumentar a resposta do organismo contra vírus, como o da dengue, fungos, como a Candida albicans, e bactérias como Staphylococcus aureus e Pseudomonas aeruginosa.

8. Previne a anemia

A pitaya é uma fruta rica em ferro, um mineral essencial para transportar o oxigênio pelo corpo, prevenindo e melhorando a anemia. Além disso, contém vitamina C, que é fundamental para favorecer a absorção de ferro a nível intestinal, principalmente o ferro proveniente de frutas e hortaliças.

Informação nutricional da pitaya

A tabela a seguir traz as informações nutricionais para cada 100g de pitaya de acordo com a cor de sua polpa:

Composição nutricional por 100gPitaya amarelaPitaya brancaPitaya vermelha
Energia49 calorias43 calorias45 calorias
Água85,9 g87,05 g84,50 g
Proteínas1,10 g1,60 g1, 25 g
Gorduras0 g0 g0 g
Carboidratos9,80 g8,28 g9,47 g
Fibras1,40 g1,20 g3,26 g
Vitamina C7,34 mg13,70 mg9,50 mg
Cálcio8,26 mg7,50 mg12 mg
Fósforo16 mg34 mg25 mg
Ferro3,37 mg2,90 mg1,98 mg
Magnésio253,40 mg272,60 mg-
Vitamina A558,44 UI7400,79 UI-
Vitamina B1-0,04 mg0,06 mg
Vitamina B2-0,04 mg0,05 mg
Vitamina B3-0,22 mg0,26 mg

Como comer a fruta pitaya

É possível consumir a polpa da pitaya ao natural ou em saladas, assim como para preparar sucos, vitaminas, geleiras, sorvetes e doces, por exemplo.

Para comer a polpa da pitaya deve-se cortar a fruta ao meio, e, com a ajuda de uma colher, separar a polpa da casca.

1. Sorvete de pitaya

Esta receita de sorvete de pitaya é boa para emagrecer porque não tem açúcar, e a pitaya é uma fruta com poucas calorias, que ajuda a controlar o apetite e acelera o metabolismo.

Ingredientes:

  • 2 xícaras de polpa de pitaya;
  • Adoçante em pó a gosto;
  • 1 xícara de creme de leite light;
  • 4 claras em neve.

Modo de preparo:

Misturar os ingredientes e colocar em uma vasilha com tampa. Levar ao freezer por cerca de 2 horas. Bater com o auxílio de uma batedeira e voltar ao freezer até a hora de servir.

Além de emagrecer, a pitaya é boa para ajudar a regular o intestino e facilitar a digestão.

2. Suco de pitaya com limão

O suco de pitaya com limão é rico em antioxidantes, sendo uma excelente opção para tomar em uma dieta de emagrecimento.

Ingredientes:

  • 2 pitayas;
  • 2 limões;
  • 1/2 copo de água

Modo de preparo:

Cortar a fruta ao meio e extrair a polpa. Em seguida, cortar a polpa em pedaços e colocar no liquidificador junto com o limão e a água. Depois, acrescentar gelo e adoçar com edulcorante, stévia, de preferência.

3. Iogurte com pitaya

O iogurte de frutas com pitaya é rica em fibras, antioxidantes e baixa em calorias, podendo ser consumida tanto no café da manhã quanto no lanche.

Ingredientes:

  • 1/2 banana;
  • 3 framboesas;
  • 2 morangos;
  • 1 rodela de abacaxi;
  • 1 pitaya;
  • 4 nozes;
  • 1 colher de sopa de semente de chia;
  • 1 colher de sobremesa de aveia em flocos;
  • Iogurte natural.

Modo de preparo:

Cortar todas as frutas em pedaços e colocar em um recipiente. Em seguida, acrescentar o iogurte natural, as sementes de chia e a aveia e consumir em seguida.

Esta informação foi útil?

Atualizado por Equipe Tua Saúde - em Dezembro de 2021. Revisão clínica por Tatiana Zanin, Nutricionista - em Dezembro de 2021.

Bibliografia

  • VERONA Anggie et al. Pitahaya (Hylocereus spp.): Cultivo, características fisicoquímicas, composición nutricional y compuestos bioactivos . Scientia Agropecuaria . 11. 3; 439 – 453, 2020
  • INSTITUTO NACIONAL DE CIENCIAS MÉDICAS Y NUTRICIÓN SALVADOR ZUBIRÁN DE MÉXICO. Tablas de composición de alimentos y productos alimenticios. 2015. Disponível em: <https://www.incmnsz.mx/2019/TABLAS_ALIMENTOS.pdf>. Acesso em 24 Set 2021
Mostrar bibliografia completa
  • VERONA Anggie et al. Pitahaya (Hylocereus spp.): Culture, physicochemical characteristics, nutritional composition, and bioactive compounds. Scientia Agropecuaria. 11. 3; 439-453, 2020
  • POOPSUP Nalinee et al. Effect of dragon fruit on glycemic control in prediabetes and type 2 diabetes: A systematic review and meta-analysis. Plos One. 12. 9; 1-12, 2017
Revisão clínica:
Tatiana Zanin
Nutricionista
Formada pela Universidade Católica de Santos em 2001, com registro profissional no CRN-3 nº 15097.