Camomila: para que serve e como fazer o chá

A camomila é uma planta medicinal da espécie Matricaria recutita, rica compostos fenólicos, glicosídeos e óleos essenciais, que lhe conferem propriedades calmantes, antiespasmódicas, anti-inflamatórias, cicatrizantes e antimicrobianas, sendo, por isso, popularmente muito utilizada como remédio caseiro para ansiedade, insônia, má digestão, cólica menstrual ou cicatrização de feridas.

A parte normalmente utilizada da camomila são suas flores secas, geralmente para a preparação de chá, no entanto, também pode ser usada para fazer inalações, banhos de assento, compressas ou pomadas. Além disso, a camomila pode ser utilizada na culinária como tempero no preparo de pratos como macarrão ou frangos, ou para aromatizar doces como brigadeiro ou bolos.

A camomila pode ser encontrada em ervanários, lojas de produtos naturais, farmácias de manipulação, mercados e algumas feiras livres, na forma de flores secas ou saquinhos de chá, e deve ser usada com orientação de um médico ou outro profissional de saúde que tenha experiência com o uso de plantas medicinais.

Camomila: para que serve e como fazer o chá

Para que serve

Por suas propriedades medicinais, a camomila normalmente é indicada para:

  • Ansiedade, nervosismo ou estresse;
  • Insônia ou dificuldade para dormir;
  • Má digestão;
  • Gastrite ou úlcera gástrica;
  • Diarréia;
  • Excesso de gases intestinais;
  • Cólicas intestinais ou menstruais;
  • Dor reumática;
  • Gota;
  • Dor de cabeça;
  • Hemorróidas;
  • Feridas, úlceras, queimaduras ou irritação na pele;
  • Resfriados ou sinusite.

Além disso, a camomila também pode ser usada para cicatrizar feridas na boca ou aliviar inflamações nas gengivas, devido às suas propriedades cicatrizantes e anti-inflamatórias.

As propriedades medicinais da camomila, devem-se especialmente aos compostos fenólicos como os flavonóides apigenina, luteolina, patuletina e quercetina, além de óleos essenciais e azulenos, presentes na sua composição.

Como usar a camomila

A camomila pode ser usada na forma de chá, inalações, banhos de assento, compressas ou pomada, preparados com as flores secas desta planta.

1. Chá de camomila

O chá de camomila ajuda a relaxar, a tratar a insônia, a ansiedade e o nervosismo, além de aliviar problemas gastrointestinais, como má digestão, cólicas, diarréia, gastrite ou úlceras, por exemplo.

Ingredientes

  • 2 colheres (de chá) de flores secas de camomila.
  • 250 mL de água fervente.

Modo de preparo

Adicionar as flores secas de camomila em uma xícara com a água fervente, tampar, deixar repousar durante cerca de 5 a 10 minutos e coar antes de beber.

Este chá pode ser bebido 3 vezes por dia, e caso seja necessário pode ser adoçado com uma colher de chá de mel.

Além disso, o chá de camomila pode ser preparado com outros ingredientes como erva doce, hortelã pimenta ou erva-dos-gatos seca, para aumentar seu efeito calmante e antiespasmódico. Confira outras forma de preparar o chá de camomila.

2. Inalação com camomila

A inalação com camomila é um excelente remédio caseiro para resfriados ou sinusite devido às suas propriedades calmantes. Além disso, o vapor da inalação ajuda a aquecer e umedecer as vias respiratórias superiores, aliviando os sintomas de nariz entupido ou escorrendo, e pode ser feito em adultos ou crianças.

No entanto, a inalação em crianças deve ser sempre feita com supervisão de um adulto, mesmo que a criança já tenha feito outras inalações anteriores, uma vez que existe um grave risco de queimadura.

Ingredientes

  • 6 colheres (de chá) de flores secas de camomila;
  • 1,5 a 2 litros de água.

Modo de preparo

Ferver a água e adicionar as flores de camomila. Esperar 5 a 10 minutos e, em seguida, colocar o rosto sobre a tigela e cobrir a cabeça com uma toalha, para inalar o vapor. É importante respirar o vapor o mais profundamente possível por até 10 minutos, repetindo 2 a 3 vezes ao dia.

3. Banho de assento com camomila

A camomila possui ação antibacteriana devido às substâncias presentes na sua composição, como flavonóides e alfa-bisabolol, podendo ser usada como banho de assento para a candidíase, pois ajuda a eliminar a Candida albicans e aliviar os sintomas de coceira, inchaço, irritação, dor ou desconforto causados pela candidíase.

Além disso, o banho de assento pode ser feito para auxiliar no tratamento de hemorróidas, devido às propriedades anti-inflamatórias da camomila.

Ingredientes

  • 3 colheres (de sopa) de camomila seca;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo

Ferver a água com a camomila. Coar a infusão, deixar esfriar e fazer banho de assento, colocando a mistura em uma bacia ou banheira, por 5 minutos, pelo menos 1 vez ao dia.

4. Compressas de camomila

A camomila também pode ser usada na forma de compressas aplicadas sobre a pele, para o tratamento de feridas, úlceras, queimaduras ou irritação na pele, devido suas propriedades anti-inflamatórias e calmantes.

Ingredientes

  • 20 a 30 g de flores frescas ou secas de camomila;
  • 500 mL de água fervente.

Modo de preparo

Adicionar as flores frescas ou secas de camomila na água fervente e deixar em repouso por 15 minutos. Em seguida, coar, molhar a gaze, o algodão ou o pano limpo e passar na área da pele afetada pelo menos 2 vezes por dia.

5. Pomada de camomila

A pomada de camomila tem propriedades anti-inflamatórias e calmantes, e pode ser usada para irritação ou coceira da pele, brotoejas, assaduras ou queimadura solar, por exemplo.

Ingredientes

  • 5 g de cera de abelha;
  • 45 mL de óleo de oliva, óleo de côco ou óleo de amêndoas doces;
  • 4 colheres de flores secas de camomila picadas.

Modo de preparo

Colocar a cera de abelha e o óleo numa panela em banho maria até que a mistura esteja completamente líquida. A seguir, apagar o fogo e adicionar as flores secas de camomila. Deixar os ingredientes dentro da panela por cerca de 2 horas para liberar as substâncias ativas da camomila. Antes de esfriar, coar e armazenar a parte líquida um recipiente de vidro limpo e seco com tampa. Manter o vidro sempre num local seco, escuro e arejado. Esta pomada tem validade de até 1 ano e pode ser aplicada na pele de 2 a 3 vezes por dia.

Possíveis efeitos colaterais

Os efeitos colaterais que podem surgir com o uso da camomila são náuseas e irritação na pele, especialmente quando essa planta é usada em quantidades maiores do que as recomendadas.

Embora seja raro, a camomila também pode causar reações alérgicas graves que necessitam de atendimento médico imediato. Por isso, deve-se interromper o tratamento e procurar o pronto socorro mais próximo ao apresentar sintomas como dificuldade para respirar ou respiração ofegante, suor frio, tontura severa, sensação de garganta fechada, inchaço na boca, língua ou rosto, ou coceira intensa. Saiba identificar os sintomas de reação alérgica grave.

Quem não deve usar

A camomila não deve ser usada por pessoas que tenham alergia à camomila ou a outras plantas medicinais da mesma família da camomila, como crisântemo, margarida, mal-me-quer ou ambrósia, por exemplo.

Além disso, a camomila não deve ser usada por pessoas que têm distúrbios de coagulação do sangue ou que fazem tratamento com anticoagulantes como varfarina ou heparina, pois pode aumentar o risco de sangramentos ou hemorragias. Em casos de necessidade de fazer alguma cirurgia, o uso da camomila deve ser interrompido duas semanas antes e depois da cirurgia.

A camomila só deve ser usada por crianças, grávidas ou mulheres a amamentar sob orientação médica.

Esta informação foi útil?

Bibliografia

  • MCKAY, D. L.; BLUMBERG, J. B. A review of the bioactivity and potential health benefits of chamomile tea (Matricaria recutita L.). Phytother Res. 20. 7; 519-30, 2006
  • SEYEDJAVADI, Sima Sadat; et al. The Antifungal Peptide MCh-AMP1 Derived From Matricaria chamomilla Inhibits Candida albicans Growth via Inducing ROS Generation and Altering Fungal Cell Membrane Permeability. Front Microbiol. 10. 3150; 1-10, 2019
  • ZADEH, Jalal Bayati; et al. Chamomile (Matricaria recutita) as a valuable medicinal plant. International journal of Advanced Biological and Biomedical Research. 2. 3; 823-829, 2014
  • NPRCDB. Chamomile: German Camomile - Matricaria recutita. Disponível em: <https://www.nprcdb.com/resources/pdf/chamomile.pdf>. Acesso em 29 Set 2021
  • AMSTERDAM, J. D.; et al. Chamomile (Matricaria recutita) may provide antidepressant activity in anxious, depressed humans: an exploratory study. Altern Ther Health Med. 18. 5; 44-9, 2012
  • MIRAJ, S.; ALESAEIDE, S. A systematic review study of therapeutic effects of Matricaria recuitta chamomile (chamomile). Electron Physician. 8. 9; 3024-3031, 2016
Mais sobre este assunto: